5 dicas para a sua startup mandar bem nas mídias sociais

5 dicas para a sua startup mandar bem nas mídias sociais

Hoje qualquer empresa além do site institucional, tem uma página no facebook ou twitter. Logo quando se pensa em como  iniciar uma startup, os futuros sócios já correm para comprar seu domínio e perfis nas redes sociais. Criar uma coisa nova, uma solução para o problema das pessoas já é uma grande demonstração de iniciativa. Mas não adianta apenas ter um perfil em uma rede social, é necessário saber usar cada uma dessas mídias de maneira que traga benefícios à sua empresa.

Não saia criando perfis da sua startup sem antes sentar com seus sócios e, juntos, traçar uma estratégia, ou elaborar um planejamento de como irão atuar naquela determinada mídia. Invista em conteúdo, mas também em relacionamento.



1. Determine qual rede social se adequa ao seu mercado

Cada rede social tem sua característica, sua linguagem e seu público específico. Você deve sentir em qual desses canais seu produto será melhor divulgado ou onde encontrara seus clientes.

Não adianta postar a mesma coisa no Twitter, Facebook, Google + e  LinkedIn, isso vai te fazer perder seguidores, além de demonstrar falta de preparo e de um planejamento adequado para lidar no ambiente virtual. Adapte seu conteúdo a cada mídia.

Entenda os diferentes públicos, pesquise antes de definir qual rede social irá usar. Se sua startup tem apelo visual, invista no Pinterest ou no Instagram. Se você quer um espaço para postar conteúdo mais extenso e gerar um bate-papo maior, use o Facebook ou o Tumblr. Se a informação precisa ser rápida, direta, vá para o Twitter. A escolha das mídias sociais varia de acordo com os modelos de negócio adotados. Empresas B2B, por exemplo, podem focar em ter uma boa atuação no Linkedin, para levantar contatos de qualidade.

Mas, lembre-se: foque onde sua empresa será mais forte, não perca tempo com o que não trará retorno ou naquelas que vocês não terão tempo de atualizar e interagir. Não vale a pena ter simplesmente para dizer que tem.

2. Instigue seus seguidores a participarem de sua startup

Provocar usando chamadas interessantes no Twitter, iniciar uma discussão em uma fanpage do Facebook ou postar conhecimentos técnicos ou textos que inspirem negócios no LinkedIn, são algumas dicas para fazer seu seguidor/cliente interagir em seus canais de mídia social.

Em uma fanpage no Facebook, por exemplo, você precisa interagir com os fãs, fazer promoções, atualizações para incitar “likes” e compartilhamentos. Lá valem as respostas rápidas, interação real e dicas.

3. Invista tempo e dinheiro em conteúdo e relacionamento

Se você não tem jeito com pessoas ou não é bom em produzir conteúdo, contrate alguém ou alguma empresa que seja. É muito importante que seus posts tenham conteúdo relevante, focado no público que você quer atrair. Tenha criatividade e gere relacionamento com as pessoas. Seu conteúdo precisa saciar o desejo das pessoas por aquele determinado assunto. Encontre alguém que saiba tirar uma ideia do papel e colocá-la online, de maneira atrativa. Tenha uma regularidade nos posts, variando de cada tipo de rede social. Mas cuidado para não a timeline de seus seguidores.

Inspire e engaje seus seguidores. Seja criativo desde a escolha do assunto abordado, da chamada feita, até a foto publicada. Leve seu cliente a escrever sobre sua marca ou produtos.

É muito importante também procurar saber sobre o que se fala nas mídias sociais a respeito da sua marca, produto e até dos seus concorrentes. Assim poderá planejar melhor suas ações de conteúdos e mensurar o efeito das ações anteriores.

4. Interaja sempre com seus seguidores

Essa interação aproxima sua empresa do usuário. A interação pode servir para resolução de problemas, mais saiba que poderá haver reações positivas e negativas vinda dos clientes.

Nunca deixe seu cliente sem resposta, interaja, responda, agradeça. Faca seu cliente se sentir ouvido em sua empresa.

Criar promoções e descontos também pode ser uma forma de atrair seguidores, principalmente para empresas no modelo B2C. Faça textos curtos, com imagens interessantes para atrair olhares curiosos. Apenas tome cuidado com os diretos autorais nas fotos postadas em suas redes sociais.

5. Seja sucinto e direto

Muita enrolação não passa confiança e desanima o leitor. Não fique insistindo em textos de autopromoção. Você até pode fazer propaganda do seu produto ou serviço, desde que não seja a única coisa que a empresa posta. Sempre se pergunte “por que alguém seguiria a minha empresa nas redes sociais?”.

Ter uma mídia social forte é mostrar preocupação com o seguidor e não com a empresa em si. Com as redes sociais é possível identificar o comportamento dos consumidores, tendências de mercado e novas oportunidades.

Como sua startup atua nas redes sociais? Compartilhe suas dicas nos comentários!

Next Post:
Previous Post: