Gambiarra MVP – Como começar sua startup sem saber programar (parte 01)

Gambiarra MVP – Como começar sua startup sem saber programar (parte 01)

Tenho conversado com vários founders e constantemente eles me apresentam um problema: eu não tenho programador na equipe. Eu sei que não é fácil conseguir um co-fundador técnico, mas eu percebo que nem sempre um é necessário para começar. O que normalmente falta são processos claros e conhecimento de ferramentas web.

O problema real da maioria dos empreendedores digitais iniciantes é o preciosismo. O seu MVP é normalmente apenas uma prova de conceito e serve essencialmente para você aprender: sobre o mercado, sobre os seus clientes, sobre o que importa de verdade, etc. Não precisa ser tudo perfeito!

Dois anos atrás, estive em um evento do Circuito Startup no Rio e fui provocado por uma mini-palestra: como criar sua startup usando apenas o Google Drive. Parece algo absurdo de se pensar, mas você pode começar em modo concierge (onde o sistema por trás é você) a partir disto. De lá pra cá o conceito tem crescido em minha mente. Daí surgiu o Gambiarra MVP.

Nos próximos posts vou demonstrar o passo a passo de como você pode tirar alguns tipos de MVP do papel. Tudo isto sem ajuda de programadores ou até mesmo designers. O que você precisa pensar, antes mesmo de programar, são nos processos, diferenciais e na proposta de valor. O resto, você pode usar a vastidão de ferramentas na internet para lhe ajudar.

Mas para não ficar tudo para o próximo post, vou deixar algumas plataformas para você conhecer:

Organização do dia a dia:

  • Gmail – vamos usar bastante, você vai ver
  • Google Drive – especialmente as planilhas
  • Trello – para organizar atividades em etapas pré-definidas
  • Slack – para comunicação interna com a equipe

Enviar e receber pagamentos manualmente:

  • Pagseguro
  • Moip
  • Payleven
  • Paypal
  • Gumroad – para vender ítens digitais

Integração entre plataformas:

  • Ifttt – agora tem uns apps bacanas, dá uma olhada.
  • Zapier – fique de olho nos apps que ela integra, já tem trabalho de casa suficiente aqui.

Formulários:

  • Google Forms
  • Wufoo
  • Formkeep

Criar sites simples:

  • WordPress
  • Tumblr
  • Google Sites

Email Marketing e automatização de listas:

  • Mailchimp
  • Sendgrid

 

No próximo post, vou detalhar alguns exemplos:

  • Como criar uma plataforma de reservar quartos de hotéis
  • Como criar uma loja virtual simples
  • Como criar um markeplace orientado a orçamentos
  • Como criar uma plataforma de venda por assinatura
  • E por aí vai…

Quais as maiores dificuldades que você tem para montar o seu MVP?

Até breve!

 

Next Post:
Previous Post:
  • Viviane

    Oi, por favor continue a série. Estou gostando muito e é de grande valia!

  • Paula Freitas

    Oi, Vinicius. Muito legal o texto. Quando vai rolar o proximo post? :)

  • Bruno Rodrigues

    Vinicius,
    Como uma outra sugestão para formulários, gosto do TypeForm

  • Mailson Monteiro

    Belo texto!
    Estou ansioso pela sequencia da série.

  • http://colisoes.com.br/ Vinícius Machado

    Em breve vai ter a sequência, galera! :) O post já foi pra aprovação!

  • Pingback: Gambiarra MVP – Como começar sua startup sem saber programar (parte 02) - Bizstart()